• Planej

Tornando minha casa mais aconchegante e acolhedora

Atualizado: Mar 17

Sua casa deve ser uma espécie de recanto; é o lugar de descanso, privacidade e identificação. Em decorrência disso, o espaço precisa aliar conforto e aconchego. Uma casa deve ser convidativa, estimulante e, ao mesmo tempo, despertar a sensação de tranquilidade para o morador e visitas. Mas como alcançar esse conforto e aconchego? Uma decoração esteticamente bela não necessariamente é aconchegante. Ao elaborar o projeto, o profissional deve ter a cautela para analisar a função que cada cômodo irá exercer na casa. O primeiro passo para garantir isso é entender o que significa conforto para o cliente. A definição é subjetiva e variável, visto que cada indivíduo tem uma percepção diferente sobre o espaço, bem como a funcionalidade dos cômodos variam de pessoa para outra. Sabendo disso, o profissional conhecerá meios para encontrar as melhores soluções para seu cliente. Pode-se ser realizado um briefing, fazendo uma série de perguntas que possam facilitar essa análise. Essas perguntas giram em torno de quais sensações são esperadas e quais os gostos de cada pessoa.



Deve-se escolher uma paleta de cores que são valorizadas pelos moradores e que transmitam boas sensações, compondo um espaço agradável. Saiba mais como utilizar as cores como um elemento decorativo aqui.


Como todo projeto, tornar um ambiente mais aconchegante requer um estudo preliminar sobre as condições climáticas do local para buscar soluções que miniminizem os efeitos do clima sobre o ambiente, refrescando ou aquecendo de acordo com a necessidade. Para aquecer uma alternativa é fazer uso de carpetes ou tapetes com tramas mais grossas para forrar pisos, uso de tapetes long hair. Tapetes são ótimos aliados, pois trazem uma perspectiva diferente e moderna ao ambiente, além de uma sensação de aconchego. As cortinas com tecidos pesados também são excelentes para barrar o frio. Porém, atentar às cores que devem estar em harmonia com a mobília e ao fato de que tapetes e cortinas devem ser bem cuidados e higienizados, especialmente em casas com alérgicos. Para refrescar, buscar por uma ventilação cruzada, alocando as portas e janelas de maneira mais favorável para barrar a radiação em determinados horários e aproveitá-la para algumas atividades.


A utilização de itens pessoais é uma maneira muito especial de decorar a casa, uma vez que contará com os gostos e a personalidade do cliente. Antes de decorar o ambiente, consulte o cliente sobre hobbies, interesses, o que realmente é importante para ele.


"Menos pode ser mais": o objetivo não é compor áreas vazias e sem graça, mas elaborar uma decoração que saiba aproveitar o melhor de cada lado. Em outras palavras, trata-se de “menos é mais” com um toque de personalidade.


Use a iluminação para compor os espaços, criando efeitos de luz e sombra. Opte por uma iluminação lateral. Uma luminária no canto de um cômodo cria um ambiente mais acolhedor, clean e íntimo.


Opte por compor os espaços com elementos naturais, eles agradam aos olhos e torna o ambiente mais tranquilo. Pequenas ou grandes, as plantas purificam e umidificam o ar, reduzindo significativamente os níveis de dióxido e da quantidade de poeira dos ambientes internos. Veja algumas sugestões de plantas de acordo com as características do local:

  • locais sem luz natural/apenas luz artificial: ráfia, dracena, violeta, begônia;

  • locais com luz solar indireta: samambaia, lírio-da-paz, antúrio, pacová, orquídea;

  • locais com muita luz natural direta: azaleia, bromélias de sol.



Além de plantas, é conveniente a incorporação de outros elementos à decoração como a água, fazendo uso de aquários e fontes, e o fogo, utilizando velas.


Provoque outros sentidos, como o olfato. Existem vários aromas interessantes para explorar em trabalhos de interiores, logo é possível adequar as propriedades de cada essência ao efeito desejado no ambiente, quais sensações o cheiro desperta. Veja algumas sugestões de essências de acordo com cada cômodo:

  • Quarto: opte por aromas relaxantes que estimulam o bem estar, como lavanda.

  • Sala: aromas florais, cítricos e adocicados têm poder acolhedor, laranja e lima são bons exemplos.

  • Cozinha: aromas refrescantes que remetem à limpeza e higiene e temperos que abrem o apetite. Exemplos: hortelã, alecrim, manjericão.

  • Banheiro: aromas, como de eucalipto, potencializam a sensação de um espaço limpo e cheiroso.


Sua casa deve ser um ambiente calmo e acolhedor, com elementos que o tornem relaxante e o faça esquecer dos problemas e preocupações. Um móvel confortável, com uma iluminação suave, aromatizantes e um bom revestimento de parede fazem toda a diferença.



Como a PLANEJ pode me ajudar?


A Planej te ajuda na hora de desenvolver o projeto arquitetônico do imóvel que você quer construir ou no projeto de reforma para deixa um imóvel já pronto mais bonito e com maior valor de mercado. Criamos as melhores soluções para a realização do seu sonho. Entre em contato conosco para conhecer um pouco mais sobre os nossos serviços e para solicitar um orçamento gratuitamente!



18 visualizações
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle
  • Pinterest - White Circle
  • LinkedIn - Círculo Branco